ALIMENTO SEGURO

Feiras e Mercados de São Luís são alvos de fiscalização

Nesta primeira fase do programa será feito o diagnóstico dos produtos de origem animal. Depois o trabalho vai focar na orientação aos feirantes de todos os alimentos comercializados nesses locais.
Por: PORTAL JG
Data de publicação: 18/02/2021 08h39

Foto: Divulgação

As secretarias municipais de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa) e da Saúde (Semus) deram início nesta quarta-feira (17), às ações do Programa Alimento Seguro, iniciativa da gestão municipal que tem como objetivo garantir a qualidade dos alimentos comercializados nas feiras e nos mercados da capital. O trabalho foi iniciado pelos mercados da Macaúba e do Coroadinho.

Nesta primeira fase do programa será feito o diagnóstico dos produtos de origem animal e, em um segundo momento, o trabalho vai focar na orientação aos feirantes de todos os alimentos comercializados nesses locais. “As ações do programa serão estendidas a todos os mercados e feiras de São Luís durante os meses de fevereiro e março”, informou o secretário da Semapa, Liviomar Macatrão.

Coordenado pelo setor de Defesa e Inspeção Animal da Semapa, o programa terá, neste primeiro momento, caráter educativo. Durante a fiscalização, os profissionais da Semapa, em conjunto com agentes da Vigilância Sanitária da Semus, observaram as condições dos alimentos e estão orientando os feirantes sobre a forma correta de manter a higiene e o acondicionamento dos mesmos. “Iniciamos um trabalho semelhante nos abatedouros e agora estamos estendendo a ação para os mercados e feiras da capital. O trabalho, que segue orientação do prefeito Eduardo Braide, tem como objetivo garantir a saúde da população”, destacou Liviomar Macatrão.

A equipe da Vigilância Sanitária do município, formada por técnicos, veterinários, nutricionistas e engenheiros, observam se os produtos estão expostos sem refrigeração, o certificado de inspeção do abate, as condições do manipulador como vestimentas e calçados, assim como o uso de EPIs, além das condições estruturais do box. "Estamos detectando o que precisa ser mudado e depois vamos partir para o momento de treinamento de todos os feirantes", afirmou a coordenadora da Vigilância Sanitária do município, Zilmar Pinheiro Rodrigues.

Limpeza das feiras e mercados

Paralelo a esta ação, a Secretaria de Agricultura, Pesca e Abastecimento tem realizado, de maneira rotineira, a higienização e desratização de mercados e feiras da cidade, além de orientação sobre a necessidade de cumprir o protocolo sanitário neste momento de pandemia. “Estamos trabalhando com 150 bombeiros civis espalhados em trinta mercados, dez feiras livres e na Feirinha São Luís, com o objetivo de cobrar da população – feirantes e pessoas que circulam e fazem suas compras nesses espaços – que cumpram as normas sanitárias vigentes e, assim, evitar a propagação da Covid-19”, contou Macatrão.

O trabalho de limpeza das feiras e mercados tem a parceria do Comitê Gestor de Limpeza da Prefeitura de São Luís.





mais notícias


Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: