CORONAVÍRUS EM CHAPADINHA

Dr. Richard Wilker se reúne com Carlos Lula para tratar sobre a pandemia do Covid-19

O encontro coordenado pela Secretaria de Estado da Saúde, faz parte do processo de capacitação de coordenadores de imunização e suporte técnico para as 19 unidades regionais.
Por: PORTAL JG
Data de publicação: 13/01/2021 16h19

O secretário municipal de saúde de Chapadinha, Dr. Richard Wilker participou nesta quarta-feira (13), em São Luís, do encontro de gestores municipais com o secretário de saúde do estado, Carlos Lula para orientações sobre o enfrentamento das consequências da pandemia. O coordenador geral das regionais de saúde, Dr. Aristeu Almeida, também participou do encontro.
Dr. Richard Wilker com o secretário de estado Carlos Lula e Dr.Aristeu Almeida
O evento coordenado pela Secretaria de Estado da Saúde, faz parte do processo de capacitação de coordenadores de imunização e suporte técnico das 19 unidades regionais para instruções sobre o cadastro prévio no Sistema de Cadastro de Permissão de Acesso (SCPA) e operacionalização do Módulo COVID-19 do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI). O seminário faz parte das ações do Maranhão que precedem a vacinação contra a Covid-19. 
 
O secretário de saúde de Chapadinha, Dr. Richard Wilker destacou que o evento vem fortalecer a relação da gestão municipal com a secretaria estadual de saúde, além de ser um importante aprendizado, principalmente no desafio de enfrentar os reflexos da COVID-19 nos municípios.
 
Plano Estadual de Vacinação
 
Na última segunda-feira (11), o Governo do Maranhão apresentou o Plano Estadual de Vacinação contra a Covid-19, que tem como objetivo estabelecer as ações e estratégias para a operacionalização da imunização. 
 
Grupos Prioritários da Vacina

O Plano segue a orientação do Ministério da Saúde com relação aos grupos prioritários, dessa forma, a primeira etapa da vacinação ocorrerá em três fases, sendo priorizadas as pessoas com maior vulnerabilidade.

Na primeira fase estão os trabalhadores de saúde; pessoas de 75 anos ou mais; pessoas de 60 anos ou mais institucionalizadas; população em situação de rua; população indígena, aldeado em terras demarcadas aldeada, povos e comunidades tradicionais ribeirinhas e quilombolas.

Os idosos de 60 a 74 anos estão inseridos na segunda fase. Em seguida, inicia-se a terceira fase com a imunização de pessoas com diabetes mellitus; hipertensão arterial grave; doença pulmonar obstrutiva crônica; doença renal; doenças cardiovasculares e cerebrovasculares; indivíduos transplantados de órgão sólido; anemia falciforme; câncer; e obesidade grave, com Índice de Massa Corporal igual ou maior que 40 (IMC≥40). 

Logística da Vacina

No Maranhão há 2.124 salas de vacinação, sendo possível ampliar para 2.500 salas. A Secretaria de Estado da Saúde já dispõe de 4 milhões de seringas e agulhas para a primeira fase da vacinação, bem como 18 vans refrigeradas para o transporte das doses das Rede de Frio Regionais até os municípios, além de três caminhões baú. Todo o transporte terrestre contará com escolta policial. Nos casos necessários, será disponibilizado, ainda, o transporte aéreo através de dois aviões e um helicóptero.

A SES também capacitou 60 apoiadores, dentre eles, profissionais da Força Estadual de Saúde (FESMA), técnicos da Vigilância Epidemiológica e Atenção Primária Estadual, que ajudarão os municípios a executarem a campanha.

A vacinação contra a Covid-19 será realizada pelas Secretarias Municipais de Saúde das 217 cidades maranhenses.





mais notícias


Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: