COVID-19

Após aglomerações, Vigilância Sanitária interdita estruturas do “Posto A” na Península

A ação foi acompanhada por agentes da Blitz Urbana e Polícia Militar, que isolaram a estrutura montada na praia.
Por: PORTAL JG COM O IMPARCIAL
Data de publicação: 27/07/2020 17h11

Equipes da Vigilância e da Polícia Militar vistoriaram e interditaram barracas e estruturas montadas na praia da Península, no chamado “Posto A”, na manhã desta segunda-feira (27), após aglomerações com movimentação e festas serem registradas no último fim de semana na capital.

A ação foi acompanhada por agentes da Blitz Urbana e Polícia Militar, que isolaram a estrutura montada na praia. 

De acordo com declarações de Carlos Lula, Secretário de Saúde do Estado do Maranhão, a ação de interdição do local buscou interromper as aglomerações que vinham ocorrendo com frequência aos fins de semana, para a segurança da população em tempos de pandemia.

O secretário enfatizou ainda que o governo não é contra as atividades empreendedoras, mas as normas sanitárias devem ser seguidas e o distanciamento social continua sendo indispensável para a segurança da população em tempos de pandemia.

Segundo relato de moradores, um pagode teria sido realizado no último domingo (26), com a presença de dezenas de pessoas. Ainda de acordo com pessoas que moram próximas ao local, desde a reabertura de bares e restaurantes, o novo ponto vinha atraindo diversos grupos, causando aglomerações.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Por meio de nota, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) se manifestou sobre as aglomerações registradas no último domingo (26) na região da Península da Ponta d’Areia e afirmou que segue realizando ações educativas, e, quando necessário, de autuação, sobre o uso de máscara, além . Confira na íntegra:

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que a Vigilância Sanitária Estadual atua em conjunto com as Vigilâncias Sanitárias dos Municípios orientando os donos de bares, restaurantes e similares sobre os protocolos sanitários para abertura segura dos estabelecimentos, além de realizar fiscalização para verificação do cumprimento das medidas sanitárias de enfrentamento à Covid-19 nestes estabelecimentos.

Em razão do descumprimento das medidas sanitárias descritas na Portaria n° 42, o estabelecimento na Península da Ponta da Areia que promoveu aglomeração durante o final de semana foi fiscalizado e interditado pela Vigilância Sanitária, nesta segunda-feira (27).

Por fim, vale ressaltar que a SES segue realizando ações educativas, com foco na atuação pedagógica e, quando necessário, de autuação, sobre o uso de máscara e constante higienização das mãos, a fim de conscientizar a população da importância das medidas sanitárias de enfrentamento da Covid-19.





mais notícias


Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: