OPERAÇÃO MAPI

Quatro pessoas são presas durante operação de repressão ao furto de energia no MA e PI

A operação aconteceu nas cidades maranhenses de Timon, Caxias, São Bernardo e Teresina, capital do Piauí.
Por: PORTAL JG
Data de publicação: 12/04/2022 11h30

A Polícia Civil do Maranhão desencadeou, entre os dias 3 e 8 de abril, a “Operação Mapi”, que teve como foco a identificação de fraudes em medidores de energia elétrica nas cidades que fazem fronteira com os Estados do Maranhão e Piauí. A ação policial foi realizada por investigadores do Departamento de Defesa de Serviços Delegados (DDSD/SEIC), com apoio da Polícia Civil do Piauí.

A operação policial teve foco na identificação de unidades consumidoras com indícios de fraudes em medidores de energia elétricas, notadamente os medidores digitais, que vem reiteradamente sendo manipulados em seus componentes eletrônicos (placa interna) para fins de furto da energia consumida nas cidades maranhenses de Timon, Caxias, São Bernardo e Teresina, capital do Piauí.

Como resultado do trabalho, a Polícia Civil executou 11 autuações por irregularidades e quatro pessoas foram presas em flagrante. Um dos presos, um homem residente da cidade de Teresina, seria autor da prática de dezenas de fraudes em unidades consumidoras de energia na Região dos Cocais. O homem chegou a ser conduzido para a DECAP em Teresina, onde foi ouvido em interrogatório, mas não ficou preso, apesar de ter confessado alguns deles, mas responderá aos Inquéritos em liberdade.

As diligências investigativas continua em torno e mais pessoas envolvidas naquelas práticas criminosas, furto de energia mediante fraude nos dois Estados.





mais notícias


Copyright © 2022. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: