EM CARUTAPERA

'Operação Gurupi' prende 6 pessoas por comercialização ilegal de armas e tráfico de drogas

Um dos presos trabalhava na região como um tipo de armeiro, concertando e também vendendo armas e munições.
Data de publicação: 11/07/2019 13h14
Atualizado: 11/07/2019 19h35

06 pessoas foram presas durante a operação por comercialização ilegal de armas e tráfico de drogas. Foto: Divulgação SSP/MA

Uma operação da Polícia Civil do Maranhão identificada como “Operação Gurupi”, realizada na última terça-feira (9), resultou na prisão de 6 pessoas pelo envolvimento com o tráfico de drogas, e comercialização ilegal de armas e munições no município de Carutapera.

A operação foi coordenada pela Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc), a Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) e a Superintendência de Polícia Civil do Interior (Spci). 

Foram cumpridos Mandados de Busca e Apreensão em locais que comercializavam armas de fogo, munições e também havia tráfico de entorpecentes. Durante a operação foram presas 06 pessoas e apreendidos diversos materiais que comprovam os crime. 

De acordo com o Superintendente da Senarc, Breno Galdino, "A Polícia Civil esteve reunida para enfrentar a criminalidade no local. Os envolvidos estavam vendendo munições, armeiros consertando armas para pessoas sem a posse e ou registro dos mesmos. Havia ainda o tráfico de drogas na região. As investigações continuarão para encontramos os fornecedores na região do Gurupi", ponderou o superintendente.

O delegado Albert Fontes da Senarc explicou, que “A operação visou reprimir o tráfico de drogas e o comércio ilegal de arma de fogo. Durante a operação foram presas 06 pessoas:

  • O Marcos Vinícius Pantoja, preso pelo comercio ilegal de arma de fogo. Ele seria de certa forma, um armeiro na região, fazia a manutenção das armas, como também vendia as armas;
  • Katiane Pereira e Jessé Borges. Estes presos por tráfico e associação. Na residência foram encontrados uma determinada quantidade de cocaína, onde era vendido em Carutapera. 
  • Antônio Vieira, ele foi preso por posse ilegal de arma de fogo e pelo comercio de arma de fogo e munição. Ele possuía uma vasta quantidade de munições. Na sua casa foi encontrada uma arma de fogo, um revólver. Foram apreendidos no seu comércio, 05 armas de fogo.
  • Maria Luíza de Sousa. Ele foi presa pelo tráfico de drogas. Na sua casa foi encontrada uma quantidade de cocaína.
  • Maria de Lurdes Pereira, também presa pelo crime de tráfico de drogas”.

Além das superintendências, participaram também as Delegacias de Carutapera, Eugenio Barros, Alcântara, Maracaçumé e Santa Helena. A polícia trabalha para prender os demais envolvidos nos crimes.





mais notícias


Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: