TRAGÉDIA

Família maranhense que morreu em desabamento no RJ será sepultada em Pinheiro

Isabele, de 4 anos, a mais nova da família foi a única sobrevivente da tragédia, ela foi retirada pelo pai minutos antes do prédio desabar.
Por: PORTAL JG
Data de publicação: 14/04/2019 11h28
Atualizado: 14/04/2019 22h18

Família vítima da tragédia da Muzema, Zona Oeste do Rio de Janeiro (Foto: Arquivo Pessoal)

Serão sepultados na cidade de Pinheiro, no Maranhão, os corpos de Hiltonberto Rodrigues Souza, Maria de Nazaré e do filho Hilton Guilherme, de 12 anos, parte da família que morreu após o desabamento de prédios na Muzema, Zona Oeste do Rio de Janeiro. As datas ainda não foram marcadas, já que familiares ainda tentam trazer os corpos para o maranhão. O desabamento ocorreu na manhã da última sexta-feira, 12, e as causas ainda estão sendo investigadas.

Isabele, de 4 anos, a mais nova da família foi a única sobrevivente da tragédia, ela foi retirada pelo pai minutos antes do prédio desabar.

Maria Nazaré Sodré e Hiltonberto Rodrigues Souza, foram retirados já sem vida dos escombros. No entanto, os corpos só foram reconhecidos na manhã de sábado, 13. O filho Hilton Guilherme foi retirado dos com fratura em uma das pernas e ferimentos no rosto. Hilton foi levado para o hospital, mas não resistiu e morreu na manhã deste sábado, 13.

Sonho da casa própria durou apenas 3 meses para a família

Um amigo de Hiltonberto Rodrigues Souza, vítima no desabamento de um dos prédios do Condomínio Figueira do Itanhangá, na Muzema, Zona Oeste do Rio na úlltima sexta-feira (12), contou em entrevista a TV Globo que ele tinha se mudado em janeiro para o prédio e estava muito feliz de realizar o sonho da casa própria. Raimundo Péres disse que a família estava começando uma nova fase da vida. Ele mora em Rio das Pedras e conhecia a família de Hiltonberto há 7 anos. "Ele estava feliz da vida. Falou comigo que era uma vitória ter saído de lá onde morava e ter conseguido um apartamento melhor. Ele falava que tava morando bem", comentou.

mais notícias


Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: