Caminhoneiro desaparecido após assalto em Bacabal é preso por suspeita de participação no crime

Obadias informou à família que estava em Nova Olinda, mas acabou preso na cidade de Araguanã.
Por: G1 MA
Data de publicação: 06/12/2018 19h30
Atualizado: 07/12/2018 00h52

O Secretário de Segurança Pública do Maranhão, Jefferson Portela, informou nesta quinta-feira (6) que o caminhoneiro pernambucano Obadias Pereira da Silva, de 44 anos, foi preso na cidade de Araguanã, a 159 km de São Luís, por suspeita de participar da quadrilha que assaltou um centro de distribuição do Banco do Brasil de Bacabal, no dia 25 de novembro.

Obadias era considerado desaparecido há mais de uma semana após seu caminhão ter sido incendiado e deixado a 60 km do local do crime. Desde o dia do assalto, a família faz uma campanha nas redes sociais para encontrá-lo.

 

 
Sobrinha de Obadias faz campanha nas redes sociais na busca por notícias do tio — Foto: Reprodução/Redes sociais
Sobrinha de Obadias faz campanha nas redes sociais na busca por notícias do tio — Foto: Reprodução/Redes sociais

Nesta quinta (6), a Polícia Civil informou que Obadias ligou para a família dizendo que foi libertado pela quadrilha na cidade de Nova Olinda, a 157 km de São Luís. Entretanto, a polícia foi até ele e não o encontrou.

Até o momento, 10 membros da quadrilha que assaltou o BB de Bacabal foram presos e metade do dinheiro roubado foi recuperado. Ao todo, a polícia estima que R$ 100 milhões foram levados do centro de distribuição do banco.

mais notícias


Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: