Em Pirapemas, mutirão do Glaucoma atende 118 pacientes

Deste total, 78 pessoas foram diagnosticados com a doença.
Por: James Galvão
Data de publicação: 29/11/2018 09h09
Atualizado: 29/11/2018 15h40

A prefeitura de Pirapemas por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS) em parceria com o Hospital da Visão, realizou durante todo o dia de ontem, 28 de novembro, mais uma edição do mutirão do Glaucoma. 118 pacientes foram atendidos na Unidade Básica de Saúde Bacelar Viana, deste total, 78 foram diagnosticados com a doença.

A ação tem como objetivo realizar um diagnóstico precoce e promover o tratamento contínuo para evitar que a doença leve a cegueira. A ação promovida pela prefeitura é totalmente gratuita.

Mutirão

Durante a mobilização os pacientes que receberam um diagnostico positivo para a doença, receberam tratamento clínico por meio de colírios para utilização durante três meses. Após esse período, o paciente será reavaliado em novo mutirão para saber se há ou não a necessidade de cirurgia.

O glaucoma é uma doença ocular causada principalmente pela elevação da pressão intraocular que provoca lesões no nervo ótico e, como consequência, comprometimento visual. Se não for tratado adequadamente, pode levar à cegueira.

Conforme a Secretaria de Saúde, há vários tipos de glaucoma. O crônico simples ou glaucoma de ângulo aberto, por exemplo, representa cerca de 80% dos casos e incide nas pessoas acima de 40 anos, podendo ser assintomático. Ele é causado por uma alteração anatômica na região do ângulo da câmara anterior, que impede a saída do humor aquoso e aumenta a pressão intraocular.

mais notícias


Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: